Título: Swoon - Amor Além do Tempo
Autora: Nina Malkin
Ano: 2009
Número de Páginas: 364
Editora: Galera Record

Sinopse: SIN ESTÁ CHEGANDO... PREPARE-SE.
A cidadezinha de Swoon, em Connecticut, não é nem um pouco parecida com a agitada metrópole de Nova York, onde Candice nasceu. Presa em uma antiga casa de fazenda junto à família de seus tios, ela deveria se concentrar em estudar e se recuperar de um grande trauma.
Mas se Candice achava que nada acontecia em Swoon, estava muito enganada. No equinócio de outono, sua prima Penelope - um perfeito exemplo da bondade, inocência e perfeição da Nova Inglaterra - sofre um grave acidente e começa a agir de forma muito estranha: suas unhas à francesinha passam a ser pintadas de vermelho-sangue e ela desenvolve uma curiosa aversão a calcinhas...
Candice sabe que algo está controlando de sua prima e definitivamente não é nada de bom. Dentro do corpo louro e perfeito de Penelope, há outra pessoa... um espírito antigo e muito sedutor: Sinclair Youngblood Powers. Mais de duzentos anos atrás, Sin foi culpado pelo assassinato de sua esposa e executado injustamente pelos poderosos da cidade. Agora, seu objetivo é um só: vingança.
O problema é que as atitudes de Sin não afetam somente Penelope e Candice; a cidade toda parece estar dando vazão aos seus instintos: violência, adultério, sensualidade à flor da pele... Os habitantes de Swoon, antes tão controlados, estão enlouquecendo. Decidida a exorcizar o demônio, Candice acidentalmente o transforma em um rapaz de carne e osso. Seu adversário agora está ainda mais poderoso e irresistível, mas é preciso destruí-lo antes que a cidade inteira sucumba aos poderes de Sin. Pena que ela está cada vez mais apaixonada por ele.



O que achei: Diferente de algumas resenhas que li, eu gostei mesmo do livro. Acho que o que mais me deixou curiosa era querer saber como iria terminar essa história tão recheada de fatos bizarros e estranhos. O slogan que envolve o livro é "O que fazer quando o garoto dos seus sonhos é mau demais para ser verdade?", mas sem dúvida, pra mim, a pergunta que envolve tudo é: "Quem matou Hannah Miles?". Mas isso só iremos descobrir ao longo da história.

"Amor a primeira vista deve ser glorioso. Mas não tenho como saber. Primeiro, não houve vista. Um cheiro, sim: o cheiro característico, meio salgado, de cavalos. Houve muitas outras sensações também. Mas logo chegarei a isso. O que quero deixar claro é que assim que pus os olhos em Sinclair Youngbloog Powers (em carne e osso), eu já estava apaixonada por ele. Nada poderia mudar isso. Nem mesmo o fato de que ele estava morto."

O livro começa com as primas Candice (Dice) e Penelope (Pen) se aventurando em uma brincadeira perigosa. Pen sobre em uma árvore e acaba caindo, ficando desacordada por algum tempo. Durante esse momento, Dice - que possui poderes psíquicos desde a infância - tem uma visão de alguém sendo enforcado em praça pública e vê que sua prima adquiriu estranhos olhos negros, quando seus olhos deveriam ser incrivelmente azuis. Após o acidente, Pen volta a ser a menina adorável e gentil que sempre foi, porém começa a agir de forma estranha em momentos diversos, quando resolve andar sem calcinha ou quando tenta afogar seu pretendente no lago. Dice acredita que sua prima está possuída - e isso se torna real quando em um simples toque de mãos, o corpo de Pen se transforma no corpo de um rapaz lindo de 1,80 de altura, deixando-a enfeitiçada e apaixonada. Em algumas conversas com o rapaz, descobre que seu nome é Sinclair Youngblood Powers e que ele foi injustamente assassinado há séculos atrás. Então, Dice vê a chance de exorcizar o espírito do rapaz do corpo de sua prima e, junto com Pen, as duas encenam um ritual que acaba tendo sérias consequências.
Então Sinclair - com o codinome Sin ('pecado', em inglês) surge como um rapaz muito lindo, sexy e misterioso, mas ele não é nada do que aparenta ser. Junto com ele, a cidade inteira se torna em polvorosa, com as pessoas agindo de forma equisita e deixando pra trás toda a fama de cidade tranquila. Jovens se tornam obecados por sexo, acidentes acontecem e até tem gente 'saindo do armário'. Não é difícil para Dice adivinhar que Sin está - e muito - envolvido em tudo isso. Mas o amor que ela passa a sentir por ele a impede de agir contra suas maldades, fazendo com que ela queria de todas as formas descobrir o que ele realmente quer com os moradores de Swoon. E quando ela descobre que o que ele mais quer é vingança contra a cidade inteira, é aí que a coisa fica feia.
Sem alternativa, Dice precisa ajudar Sin a desvendar o que aconteceu no passado para que finalmente ele se sinta em paz. Porém ela não sabe o que irá acontecer com seu grande amor quando tudo acabar. Afinal, ele é apenas um golem: não é totalmente humano, mas sim, uma pessoa criada de lama e galhos de árvore.

"- Você está machucada? - murmurou. O seu toque era gentil, mas ele não conseguia me olhar nos olhos. - Se você estiver machucada, vou bater nele até que perca os sentidos. Vou fazer com que seja torturado e esquartejado. Vou...
- Sin... Pare... - Sentada com os joelhos puxados contra o peito, coloquei meus dedos sobre os lábios dele. - Ele não me machucou. - Eu não estava tão certa disso. Na verdade, pensei no vidro de Tylenol no gabinete de remédios da Daisy Lane número 12. Sin me pegou nos braços e me ajudou a ficar de pé, e por algumas fugazes batidas do coração eu me entreguei ao prazer da força, do calor e da beleza do corpo dele."

Sin não é um exemplo de amor perfeito, mas também não é totalmente horrível. Apesar de aflorar os instintos sexuais na cidade ao ponto de incitar orgias, abusos e relações homossexuais, Sin sofreu muito no passado e agora quer vingança contra aqueles que o fizeram mal, mesmo sem saber de verdade quem foi o causador da morte de sua queria Hannah e seu filho que não chegou a nascer. Mesmo que para isso tenha que descontar nos descendentes dos malfeitores que ainda vivem em Swoon. Ele faz suas maldades, causando acidentes e mortes, mas como ele diz, está apenas aflorando a verdade que existe em cada um. Isso também não o impede de se sentir protetor e ele sabe que Dice é um ponto fraco em sua nova 'vida'. Ele é um perfeito cavalheiro e talvez até ele e Dice se tornassem namorados um dia se ele não fosse apenas um espírito ressurgido da lama querendo vingança. Tem horas que o amor dos dois chega a ser bonitinho e o jeito que ele a trata a chamando de minha dama é realmente fofo. =P
Resumindo, gostei do livro. Um pouco paranormal demais até para mim, que adoro coisas sobre além-vida (hehe), mas bem envolvente. Louco, curioso, sexy. Tem de tudo nesse livro! Histórias bizarras, fatos chocantes, referências - demais, até - sobre drogas pesadas, amizades que ultrapassam até mesmo a morte. E como diz o subtítulo, um amor que sobrevive até além o tempo.

Leia o primeiro capítulo aqui!

Compre agora!


Nível do vício: 

10 Comentários

  1. nossa, que resenha grande xD

    então, esse livro é beeeeem 8 ou 80, tem gente que adora, tem gente que odeia ! Vou ler, depois eu dou a minha opinião

    ResponderExcluir
  2. Putz, fiquei Bcom mais vontade de ler...rs
    Bela resenha!

    ResponderExcluir
  3. Ai adorei a resenha,mas fiquei na dúvida, por um lado fiquei mega interessada em ler e por outro fiquei com medo aushauhs.
    Acho que vou esperar um pouco e ver o que decido mais tarde, ver se terei coragem .
    bjks ;)

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler, mesmo livros assim, que as pessoas tem diversidade de opiniões acerca! Beijos;)

    ResponderExcluir
  5. Eu tô lokaaaaaaaaaaaa por este livroooooooooo!!!! acabei de entrar numa promoção dele... aiii quero tantooooo rsss... lendo sua resenha deu mais vontade ainda de ler hehehehe...

    Bjos!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Nossa...esse livro parece ser cheio de mistérios e coisas diferentes né?
    Confesso que fiquei com "medinho" hahahahaha.
    Adorei a resenha Mi.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Eu to com sentimentos contraditórios... eu gostei mto de algumas coisas e odiei mto outras cenas... a ideia é interessante, mas tem momentos loucos há tem...rs

    ResponderExcluir
  8. Oi, Michelle.

    Estou doida por esse livro!

    Já li diversas opiniões e vi que esse livro é Ame-o ou Deixe-o, mas só posso dar uma opinião concreta quando lê-lo! :)

    Adorei sua resenha!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi, morro de vontade de ler esse livro, a resenha sempre chama minha atenção. Bjss

    ResponderExcluir
  10. Oi, Michelle!

    Obrigada por visitar meu blog, tbm gostei muito do seu e já estou seguindo!

    Quanto ao Swoon... não digo que não gostei, mas tem livros muuuito melhores por ai! O amor dos dois me irritou. Ele não tava nem ai pra ela e no fim vem com aquela história de que 'acho' que tô apaixonado! Afff... quis socar o Sin! rsrsr

    beijoos, Mi!

    ResponderExcluir