Título: Um Amor Para Recordar
Autor: Nicholas Sparks
Ano: 2011
Número de Páginas: 186
Editora: Novo Conceito

Sinopse: Cada mês de abril, quando o vento sopra do mar e se mistura com o perfume de violetas, Landon Carter recorda seu último ano na High Beaufort. Isso era 1958, e Landon já tinha namorado uma ou duas meninas. Ele sempre jurou que já tinha se apaixonado antes. Certamente a última pessoa na cidade que pensava em se apaixonar era Jamie Sullivan, a filha do pastor da Igreja Batista da cidade. A menina quieta que carregava sempre uma Bíblia com seus materiais escolares. Jamie parecia contente em viver num mundo diferente dos outros adolescentes. Ela cuidava de seu pai viúvo, salvava os animais machucados, e auxiliava o orfanato local. Nenhum menino havia a convidado para sair. Nem Landon havia sonhado com isso. Em seguida, uma reviravolta do destino fez de Jamie sua parceira para o baile, e a vida de Landon Carter nunca mais foi a mesma.



Minha Opinião: Como eu já disse em outras resenhas, é impossível não chorar com as histórias que Nicholas Sparks nos apresenta. E com uma história tão linda e comovente como "Um Amor Para Recordar" isso se tornou mais que verdade.
É difícil encontrar alguma menina ou mulher que ainda não tenha visto o filme de mesmo nome lançado há vários anos atrás. O filme por si só foi capaz de deixar milhares de mulheres românticas aos prantos com seu drama particular contando a história triste e ao mesmo tempo feliz de Jamie Sullivan. E para explicar todo esse sentimento de emoção nada melhor do que ler o livro e se deixar emocionar mais uma vez.
"Aos dezessete anos, a minha vida mudou para sempre."
Landon Carter, nosso mocinho meio bad boy, no início do livro começa nos contando como é sua vida atualmente, após 40 anos de tudo o que aconteceu em seu passado. Ele diz uma frase que define toda a situação que iremos enfrentar nas próximas páginas e é mais ou menos assim:
"Essa é a minha história - e prometo contar tudo.
No início você vai sorrir, e depois vai chorar - não diga que não avisei."
Tenso não? Pois é. Eu chorei e me emocionei bastante, como já era previsível em se tratando de drama e romantismo. Temos uma volta ao tempo onde conhecemos Landon aos 17 anos, quando ele era um adolescente como qualquer outro e por incrível que pareça, mais humano que muitos por aí. Ele se divertia com os amigos, gostava de ficar no cemitério à noite batendo papo e comendo amendoim e também era nascido em 'berço de ouro' - seu pai era um famoso Congressita e sua família tinha uma situação muito boa graças às maldades feitas por seu avô há tempos atrás. E é justamente pelo passado de sua família que seu destino acaba se ligando ainda mais com Jamie, a filha de um pastor que já trabalhou para seu avô.
Jamie Sullivan é filha única de Hegbert Sullivan, pastor local que, viúvo, ficou com a tarefa de cuidar da filha sozinho desde o nascimento dela. Jamie é uma garota diferente aos olhos dos rapazes por seu jeito de se vestir (ela usa constantemente um blusão marrom e uma saia xadrez) e principalmente por andar para todos os lados com uma Bíblia embaixo do braço. Isso afasta os rapazes, mas ao contrário deles, a cidade inteira a adora. Com seu jeito simples, honesta e boa até não poder mais, ela agrada a todos. Se preocupa em ajudar a quem precisa sem se importar com o que podem achar dela. Mas ela esconde um segredo que dará à história o drama necessário para um final cheio de lições para o leitor levar para toda a vida.
"Olhei para Jamie, depois para o teto e em redor da sala, esforçando-me por manter a compostura, depois novamente para Jamie. Ela sorriu para mim, e eu sorri para ela, e tudo o que conseguia fazer era perguntar a mim mesmo como é que me havia apaixonado por uma menina como a Jamie Sullivan."
Todos os anos os alunos do último ano da escola encenam uma peça de teatro escrita pelo pai de Jamie na época do Natal. E nesse ano, Jamie será a atriz principal interpretando um anjo na história. Pensando que, entre química e teatro interpretar seria mais fácil, Landon se matricula na peça e acaba ficando com um dos principais papéis. Ele e Jamie passam a ensaiar juntos - burlando os comentários maldosos dos amigos de Landon - e isso resulta em uma amizade tão bela que, sem saber nem ao certo quanto, se torna amor. E Landon vai aprendendo que por trás da menina esquisita existe uma mulher com um jeito doce que acaba conquistando seu coração. Mas o segredo de Jamie pode mudar tudo.
"Há momentos em que desejo fazer o tempo voltar e apagar toda a tristeza, mas tenho a sensação de que, se o fizesse, também apagaria a alegria."
O livro não é longo e a história pode ser lida bem rapidinho. Mas aconselho a todos que são românticos a lerem, pois vale muito a pena. A história é linda e super emocionante e, como eu disse no início, é impossível não se ficar com lágrimas nos olhos no final do livro. E pior ainda é ler o livro já sabendo o final - depois de ver o filme, claro. Tenso demais. =P

PS: Quem quer promoção do kit grita e comenta! hehehe

Compre agora!


Nível do vício: 

16 Comentários

  1. Promoção desse livro bé comigo. ADORO!

    ResponderExcluir
  2. Oi,
    Achei um tempinho e vim te visitar.Adorei Nicolas Sparks e esse "lançamento" dele realmente promete ser tudo de bom. A história tem bem o estilo dele só fiquei com medo de me emocionar demais lendo..rsrsrs..
    Bjks
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa

    ResponderExcluir
  3. Eu já comprei esse livro e ele já está me esperando! hahaha! Quero muito lê-lo logo porque eu amo a história dele :~
    Adorei a resenha!

    bjs
    www.booksemporium.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. "Há momentos em que desejo fazer o tempo voltar e apagar toda a tristeza, mas tenho a sensação de que, se o fizesse, também apagaria a alegria."
    Mt lindo essa parte!!! ai ai quero só ver como vai ser pra eu ler, tenso demais! rsrs
    Quero lê-lo logo. Ainda to com lencinhos aqui do kit do querido john, vou usá-los!
    Beijoss
    E ó, esse kit é ótimo, se eu fosse o pessoal participava!

    ResponderExcluir
  5. Acabei de conhecer seu blog e adorei! Nicholas Sparks só faz a gente chorar, hein?? rsrsrs

    Quando puder, visite o meu blog também, estou com promoção lá.
    Bj

    Paula
    http//the-bookworms-club.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Este livro já está separado para uma boa leitura. Bjs, Rose;D

    ResponderExcluir
  7. Todos os livros de Nicholas Sparks são muito bons, os que li amei, estou tentando a sorte para ver se ganho na promoção dos namorados...Obrigada.

    ResponderExcluir
  8. A história é perfeita e emociante!
    Ao mesmo tempo em que ela é simples é tão cativante...

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho uma certa restrição quanto os livros do Nicholas, porque me deixa sempre deprimida rsrs, mas ja faz tempo que não leio nada dele, e esse me pareceu ser muito bom, ja esta na minha lista, beijos.

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li o livro, mas assisti o filme e como você mesma disse no post, chorei e me descabelei toda... (esquece desse momento nostalgia!) Mas enfim, este livro está na minha lista de desejos faz tempo. Espero conseguir obtê-lo logo em breve.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  11. Ai eu acho que deve ser maravilhoso o livro, o filme é, agora tô louca pra ler.

    ResponderExcluir
  12. Bom...ainda não tive a oportunidade de ler o livro..mas na minha opinião essa é a melhor história de amor verdadeiro já escrita. Fala sobre o amor incondicional entre um pai e uma filha e sobre o amor na sua forma mais pura entre um homem e uma mulher.E devo confessar chorei muito no final do filme. Quem ainda não conhece a história...veja o filme...leia o livro...se emocione.

    ResponderExcluir
  13. aii q lindo...quero mt le esse livro

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho muita vontade de ler esse livro, Nicholas Sparks escreve muito bem e as pessoas falam muito bem deste livro!

    ResponderExcluir
  15. Sinceramente? Não gosto do livro e nem do filme...
    E tenho meus dois bons argumentos:
    1.Não existe no planeta Terra uma mulher como Jamie Sullivan. Não combinando tudo num só ser. Com seu carisma, sua convicção, sua espontaneidade e sinceridade, simplicidade e humildade, bem resolvida e ao mesmo tempo frágil... Fora sua beleza e candura!
    2.Não sou um Landon Carter também.
    ...
    Mas agora, falando sério. Só muito recentemente tive humildade -e coragem- pra assistir ao filme e ler o livro. E é impossível continuar a mesma pessoa após. Passei a rever muita coisa. Desanimei pra algumas e me conformei com outras. Enfim...
    Putz! Sou homem! Macho, caramba! Chorei pra cacete...

    ResponderExcluir